Ossos de grandes dimensões, possivelmente de baleia, podem ser vistos junto a laboratório da Universidade de Évora instalado em Sines

Após terem sido recentemente encontrados na Praia da Costa do Norte, a norte de Sines, dois ossos de grandes dimensões, possivelmente de baleia, foram colocados num espaço público, junto ao Laboratório de Ciências do Mar da Universidade de Évora, instalado em Sines, onde trabalham investigadores do MARE - Centro de Ciências do Mar e do Ambiente.

 

Esta operação contou com o apoio e a colaboração da Câmara Municipal de Sines.   É possível que um dos ossos, mais comprido, seja do maxilar inferior de uma baleia e, o outro, do crânio de um mamífero marinho deste tipo, da região occipital. Estão a ser obtidas mais informações, nomeadamente através de contactos com investigadores, com vista à confirmação desta classificação e à identificação taxonómica da(s) espécie(s) a que estes ossos pertencem. Com estas e outras informações, pretende-se elaborar materiais de divulgação sobre estes achados e a(s) sua(s) espécie(s).   Além do seu estudo científico, pretende-se utilizar estes ossos em atividades de ensino e divulgação científica. Com a sua colocação num espaço público, acompanhados de informação científica, poderão ser úteis para aumentar o conhecimento da vida marinha e a sensibilização para a necessidade de proteção dos mamíferos marinhos e dos ecossistemas em que vivem. Deste modo, convida-se à sua observação e apreciação, e apela-se à sua preservação.   Fotos em: https://drive.google.com/drive/folders/1jNXTxyxfiRmmnJNFbvsAJ0ToUjgw9diy?usp=sharing
Publicado em 29.04.2020